Agende-sehomoculturateatroteatro em sp

Alice, Retrato de Mulher que Cozinha ao Fundo reestreia na Biblioteca Mário de Andrade – Blog e-Urbanidade

Nicole Cordery. interpreta Alice. Foto Leticia Pinto

Está de volta a São Paulo o espetáculo Alice, retrato de mulher que cozinha ao fundo com a atriz Nicole Cordery após temporada por seis cidades argentinas e Portugal. A montagem  retrata a relação de amor entre a poetisa Gertrude Stein (1874-1946) e a cozinheira e escritora Alice  B. Toklas (1877-1967), que dedicou os últimos 21 anos de sua vida à divulgação da obra de sua companheira em uma época que nem se falava em homoafetividade.

O espetáculo ocupa uma das salas da Biblioteca Mário de Andrade, onde atualmente recebe uma exposição de poesia concreta, permitindo um diálogo com essas obras. Com a plateia disposta em L, sendo a única exigência feita pelo grupo durante todas as temporadas, a montagem procura mudar o eixo da versão da verdade a partir do ponto de vista do assistidor.

A dramaturgia de Marina Corazza apoia-se em uma narrativa fragmentada, com cenas curtas, como a poesia de Gertrude. O monólogo passeia por diferentes tempos e espaços na vida das duas, narrados por Alice a partir de trechos de cartas, poesias e receitas culinárias.

As principais referências de Corazza foram os livros The Alice B. Toklas Cookbook, em que Alice conta quais receitas eram servidas na casa da Rue de Fleurus; e A autobiografia de Alice B. Toklas, em que Stein assume a voz de sua companheira para falar do relacionamento entre elas e a época em que elas viveram juntas.

Outra referência importante foi o apoio do dramaturgo, professor e pesquisador americano Leon Katz, que, em 1952, foi premiado com uma bolsa da Fundação Ford para passar um ano entrevistando Alice. Ele cedeu um material rico de pesquisa para as atrizes e dramaturga.

Alice, retrato de mulher que cozinha ao fundo foi concebido em um experimento cênico em São Paulo, na ocupação da Casa Amarela, na Consolação, e na Mostra Obscenas, da Globe, e no Recife, para onde Malu Bazán (diretora do espetáculo) se mudou em 2014. Em 2016, Malu, Mariana e Nicole receberam a oportunidade de estrear o espetáculo já completo no Sesc Consolação, no projeto Escritoras na Boca de Cena, que apresentava peças sobre escritoras.

Essa nova montagem poderá ser vista às segundas-feiras no mês de novembro, grátis, com distribuição de senhas uma hora antes de cada sessão.

Imperdível!

Serviço
De 06 a 27/11/2017 – segundas-feiras, às 19h.
Duração: 60 minutos
Classificação: 14 anos.
Ingressos: grátis, com distribuição de senhas uma hora antes de cada sessão.
Biblioteca Mário de Andrade – Rua da Consolação, 94 – Consolação
(11) 3775-0002
Tem acessibilidade.

Exibir mais

Celso Faria

Idealizador e responsável pelo e-Urbanidade. Escritor e agitador cultural. Durante o dia trabalha com muitas planilhas financeiras para depois acompanhar o que acontece no universo cultural e de entretenimento de Sampa e de outras cidades.

Posts Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *